quarta-feira, 12 de janeiro de 2011

Chuva e caos nas metrópoles brasileiras

Posted by Julio Neto On quarta-feira, janeiro 12, 2011

Todo verão é a mesma coisa: O noticiário é invadido pelo "caos da chuva". São relatos de mortes, desabamentos, enchentes, etc.

Hoje (quarta-feira - 12/01/2011), por exemplo, lí esta reportagem na página online do Correio do Estado (RJ). Leia:
"Os desabamentos causados pela chuva já causaram ao menos 13 mortes em cidades da Região Serrana do Rio. As últimas quatro vítimas são bombeiros que foram soterrados na manhã desta quarta-feira, 12, quando faziam um resgate de vítimas de um deslizamento de terra em Nova Friburgo. O número ainda pode subir, pois outros três integrantes da equipe estão desaparecidos."
Assim, fica a pergunta: Quem é o responsável por essa situação?
- O governo; Os cidadãos; a indústria.
A verdade é que, de certo modo, cabe a cada uma dessas esferas uma parcela de culpa. No caso do Estado, faltou (historicamente) planejamento, investimento em moradia, em suma, faltou uma maior preocupação com as camadas menos favorecidas, fato que caracteriza uma idéia equivocada de dominação, baseada na exclusão. Acredita-se que os "muros" da periferização vão proteger os grandes centros. Tá mais que provado que NÃO. Os problemas (desemprego, violência, catástrofes naturais) estão cada vez mais globalizados e atingem diretamente as populações mais abastadas.
Em relação à população, falta consciência ambiental. Enquanto as pessoas não compreenderem que lixo jogado nas ruas e nas redes de esgoto provoca enchente essa situação não continuará irremediável e, acima de tudo, dá argumentos ao Estado Brasileiro.
Assim, a deve-se associar soluções imediatas a medidas de longo prazo para minizar essa situação.

sexta-feira, 7 de janeiro de 2011

Exercícos de História e Geografia

Posted by Julio Neto On sexta-feira, janeiro 07, 2011

O HistoriaNews. Org conta com um blog destinado principalmente ao professor. Confira!