quarta-feira, 25 de janeiro de 2012

Estado de Alagoas

Posted by Julio Neto On quarta-feira, janeiro 25, 2012 No comments

Para visualizar toda a postagem basta clicar em seu título.


Breve Histórico
O termo Alagoas é referente à quantidade de lagos existentes na região, ao redor de rios que banham o estado.  No início do século XVI, a região do atual estado foi invadida pelos piratas franceses. Foi retomada pelos portugueses em 1535, por Duarte Coelho Pereira, donatário da capitania de Pernambuco, Duarte Coelho foi responsável pelo plantio de cana-de-açúcar naquela região do nordeste e pela construção de engenhos.
Alagoas, em 1630, foi cenário da maior revolta de escravos da História do Brasil, sendo a sede do Quilombo dos Palmares chefiada por Zumbi, o quilombo chegou a ter uma população de 30.000 habitantes que viviam em várias aldeias, possuíam atividades econômicas como o milho, o feijão, a mandioca, a batata-doce e a cana-de-açúcar.
Antes de ser elevada à categoria de capitania, Alagoas era uma região e, por um tempo, uma comarca, subordinada ao governo local da capitania de Pernambuco. A sua independência ocorreu devido a uma represália do governo central do Vice-Reino à rebelião da Revolta Pernambucana.  Em 1822, depois da independência do Brasil, Alagoas tornou-se província e, em 1839, Maceió é escolhida a nova capital.

Fonte: História Brasileira por Fernando Rebouças

DADOS GERAIS:

Capital: Maceió 
Região: 
Nordeste
Sigla: AL 
Gentílico: 
alagoano 
População: 
3.120.922 (Censo 2010)
Área (em km²): 
27.767,661
Densidade Demográfica (habitantes por km²): 
112,39
Quantidade de municípios: 
102

DADOS ECONÔMICOS E SOCIAIS
Produto Interno Bruto (PIB)*: R$ 21,2 bilhões (2009)
Renda Per Capita*: 
R$ 6.728,00 (2009)
Índice de Desenvolvimento Humano (IDH): 
0,677 (2005)
Principais Atividades Econômicas: 
agricultura, extrativismo, pecuária, indústria e turismo.
Mortalidade Infantil (antes de completar 1 ano): 
46,4 por mil (em 2009)
Analfabetismo: 
24,3% (2010)
Expectativa de vida (anos): 
66 (2000)
PONTOS TURÍSTICOS E CULTURAIS
Praias: Ponta Verde, Pajuçara e Jaraguá
- Museu Pierre Chalita
- Museu Théo Brandão
- MISA - Museu da Imagem e do Som
- Catedral Metropolitana
- Teatro Deodoro
- Igreja de Nossa Senhora do Livramento
GEOGRAFIA
Etnias: brancos (36%), negros (3%), pardos (59%).
Rios importantes: 
São Francisco, Mundaú e Paraíba do Meio.
Principais cidades: Maceió, Arapiraca, Palmeira dos Índios, Rio Largo, Penedo, União dos Palmares e Santana do Ipanema.
Clima: tropical (costa) e semi-árido (interior).

Fonte: IBGE In: SuaPesquisa.Com




0 comentários :