quinta-feira, 26 de janeiro de 2012

Estado do Mato Grosso

Posted by Julio Neto On quinta-feira, janeiro 26, 2012 No comments

Para visualizar toda a postagem basta clicar em seu título.

Histórico
Bandeira do Estado
As primeiras incursões do mundo ocidental no território que é hoje conhecido como Mato Grosso, deu-se no período de 1525, quando o navegante Pedro Aleixo Garcia partiu em direção à Bolívia, seguindo as águas dos rios Paraná e Paraguai.
Mais tarde, com a descoberta de ouro e diamante na região, chegaram os portugueses e espanhóis. Com os garimpeiros vieram também jesuítas, que criaram Missões entre os rios Paraná e Paraguai, com o objetivo de assegurar os limites de Portugal, já que as terras estavam nos limites da Espanha por conta do Tratado de Tordesilhas.

Em 1748, foi criada a capitania de Cuiabá, concedendo a coroa portuguesa isenções e privilégios a quem ali quisesse se instalar. Foram feitas diversas expedições financiadas por Portugal. Essas expedições partiam de qualquer lugar do Brasil e não ultrapassavam o Tratado de Tordesilhas. Mais tarde, as chamadas bandeiras foram financiadas pelos paulistas. Somente eles foram ao oeste, ultrapassando a linha de Tordesilhas.
As expedições feitas pelos paulistas tinham caráter econômico: queriam mão de obra escrava indígena, ouro e pedras preciosas. Para fiscalizar a exploração do ouro e da renda, a região de Mato Grosso era subordinada à Capitania de São Paulo, governada por Rodrigo César de Meneses. O governador da capitania mudou-se para o arraial e logo a elevou à categoria de vila chamando-a de Vila Real do Bom Jesus de Cuiabá.
O nome Mato Grosso foi cunhado pela primeira vez pelos irmãos Fernando e Artur Paes de Barros em 1734, quando atrás dos índios Parecis, descobriram uma mina de ouro situadas nas margens do rio Galera, no vale do Guaporé. Apelidaram o lugar de Minas do Mato Grosso.
Mato Grosso, que era o segundo maior estado do Brasil, foi desmembrado na década de 1970 com a criação do estado de Mato Grosso do Sul. Após a divisão, o Pará tomou a posição de segundo maior estado, mas, mesmo após ter pedido mais de 350 mil quilômetros quadrados, Mato Grosso ainda ocupa a terceira posição.
O principal argumento utilizado para a divisão do estado foi a dificuldade em desenvolver a região diante da grande extensão e diversidade. A assinatura do decreto que estabeleceu a divisão aconteceu em 11 de outubro de 1977. No entanto, a criação do novo Estado ocorreu, efetivamente, em 1º de janeiro de 1979. Foi o presidente Ernesto Geisel quem decidiu pela divisão e assinou a Lei Complementar número 31.

DADOS GERAIS:
Capital: Cuiabá 
Região: 
Centro-Oeste
Sigla: MT 
Gentílico: 
mato-grossense 
População: 
3.075.862 (estimativa de 2011)
Área (em km²): 
903.357
Densidade Demográfica (habitantes por km²):
 34
Quantidade de municípios: 
141

DADOS ECONÔMICOS E SOCIAIS
Produto Interno Bruto (PIB)*: R$ 57,3 bilhões  (2009)
Renda Per Capita*: 
R$ 19.087 (2009)
Índice de Desenvolvimento Humano (IDH): 
0,796 (2005)
Principais Atividades Econômicas: 
agricultura, pecuária e mineração.
Mortalidade Infantil (antes de completar 1 ano): 
19,2 por mil (em 2009)
Analfabetismo:
8,5% (2010)
Expectativa de vida (anos): 
72,6 (2003)

PONTOS TURÍSTICOS E CULTURAIS
- Igreja do Rosário
- Igreja de São Benedito
- Palácio da Instrução
- Museu da Imagem e do Som de Cuiabá
- Museu Rondon
- Zoológico
- Museu de Arte e Cultura Popular (Universidade Federal de Mato Grosso)
- Parque Mãe Bonifácia
- Parque Mossairo Okamura
- Parque Nacional do Pantanal Mato-grossense
- Obelisco do Centro Geodésico da América do Sul

GEOGRAFIA
Etnias: brancos (36,7%), negros (7%), pardos (55,2%) , amarelos ou indígenas (1,1%)
Rios importantes: Juruena, Teles Pires, Araguaia, Xingu, Paraguai, Piqueri, Cuiabá.
Principais cidades: Cuiabá, Várzea Grande, Rondonópolis, Cáceres, Sinop, Tangará da Serra, Barra do Garças, Alta Floresta.
Clima: tropical

Fonte: IBGE In: SuaPesquisa.Com

0 comentários :